A COVinBOX-BPA® é colocada sobre a cabeça do doente e permite ao profissional e assistentes terem acesso ao interior com facilidade, quando fazem intervenções na cabeça e pescoço, sem se contaminarem pelos agentes infeciosos veiculados em gotículas/aerossóis.

Pode ser utilizada com ou sem o suporte rodado, ou seja, pode ser colocada diretamente na cama/mesa operatória do doente, ou pode ser utilizada sobre o suporte rodado, assumindo grande portabilidade.

A COVinBOX-BPA® não substitui os EPIs convencionais, recomendados para cada especialidade pelas entidades de Saúde nacionais e internacionais. Tem aplicação em todas as situações, contribuindo para uma proteção complementar, particularmente importante nos casos em que os EPIs são escassos, de qualidade duvidosa, ou restritivos para o profissional em causa, ou são rasgados durante o trabalho, ou são mal utilizados pelos profissionais.

Atua como uma dispositivo barreira que confere uma proteção extra, e de duas formas: 1ª) impedindo que os aerossóis cheguem ao profissional de saúde porque os encaminha para o sistema de sucção, evitando assim a contaminação e; 2ª) impedindo a dispersão dos aerossóis no ambiente respiratório onde o doente se encontra (contaminação secundária), susceptíveis de contaminar outros profissionais e outros doentes.

A COVinBOX-BPA® é um dispositivo que permite ter uma alta taxa de rotatividade entre doentes, que se desinfeta com facilidade, e em que os consumíveis têm muito baixo custo. O filtro a utilizar é o mesmo que se aplica nos circuitos respiratórios, em anestesia e cuidados intensivos.

A aplicação da COVinBOX-BPA® é abrangente a todas as áreas em que o profissional executa procedimentos próximos da via aérea dos doentes. Pode ser utilizada em Hospitais, Clínicas, Blocos Operatórios, Unidades de Cuidados Intensivos, Enfermarias, Serviços de Urgência, Consultórios Médicos de qualquer especialidade, Consultórios de Medicina Dentária, e de outros profissionais de Saúde Oral, Lares de Idosos, Unidades de Cuidados Continuados, Gabinetes de Estética, e em meios de transporte de doentes pré, inter e intra-hospitalar.

Também pode ser utilizada apenas para conter os aerossóis do doente infetado sendo que, neste caso, o profissional pode abordar outras partes do corpo do doente, ou servir apenas como meio de contenção da dispersão dos aerossóis no ambiente onde o doente se encontra.